Author Archives: AR

  • 0

A Cor como tratamento

Category:Artigos,Cromoterapia,Great Tags : 

A VIDA É ARCO ÍRIS

Tudo é energia e como tal também as cores têm energia/vibração própria, à qual o sistema (biopsicoemocional e energético) humano reage.

Atualmente entendemos o conceito de saúde como “um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não somente ausência de afeções e enfermidades”, segundo definição da OMS (Organização Mundial de Saúde), que nos remete imediatamente para a noção de equilíbrio e complementaridade entre todos os sistemas/corpos que nos constituem.

Neste sentido, e porque todo o meu trabalho assenta numa abordagem holística e ecléctica, deixo-te aqui algumas ‘dicas/orientações’ cromáticas de uso simples e prático, que podes usar no teu dia-a-dia.

Na saúde

Anemia

Respirar e consumir alimentos da cor vermelha. Aplicação de luz vermelha na sola de cada pé por 5 minutos, prosseguindo pelo mesmo período pela barriga da perna, joelhos, coxas e base da coluna. Encerrar a aplicação, com a irradiação da cor verde ou azul, por alguns minutos. Beber água solarizada vermelha diariamente.

Ansiedade

Tomar banhos de luz, azul e verde no corpo todo e beber água solarizada.

Asma

Respirar e ingerir água na cor laranja e ter uma atitude mental positiva e otimista. Aplicar a cor laranja no peito e na garganta, por 10 minutos. Quando apresentar melhoras, usar a luz azul na garganta por 15 minutos.

Azia

Tomar banhos de luz amarelo e verde, localizados.

Bronquite

Respirar a cor laranja e tomar suco de limão e laranja. Aplicar a luz laranja no estômago e abdómen, por 10 a 15 minutos ou mais de acordo com as necessidades do paciente.

Cansaço

Tomar banhos de luz azul e verde no corpo todo.

Respirar o raio índigo. Banhar os olhos com água solarizada índigo. Coloca panos embebidos na água solarizada índigo na fronte. Num segundo estágio, aplicar a cor índigo nos olhos e na fronte por 30 minutos.

Urticaria

Tomar banhos de luz azul e verde ou compressas com água solarizada.

Conjuntivite

Tomar banhos de luz azul e violeta ou compressas com água solarizada.

Constipação

Respirar e tomar pequenas quantidades de água solarizada amarela. Aplicar luz amarela no estômago e abdómen, durante 20 minutos, à noite e pela manhã.

Cortes

Aplicar água solarizada ou banhos de luz índigo para estancar a hemorragia.

Dor de cabeça

Tomar banho de luz azul, localizado e ingestão de água solarizada, quantas vezes for necessário.

Dor de garganta

Aplicar luz azul na garganta durante 15 minutos, fazer gargarejos com água solarizada azul a cada 2 horas.

Borbulhas e pontos negros no rosto

Tomar banhos de luz localizados azul e verde e banhos com água solarizada azul.

Falta de apetite

Tomar banhos de luz laranja, visualizar a cor laranja.

Febres

Aplicar a luz azul no centro da inflamação e beber água solarizada azul.

Flatulência

Beber, pequenas quantidades de água solarizada amarela entre as refeições.

Inflamação nos ouvidos

Aplicar luz índigo e beber água solarizada índigo, 2 vezes por dia.

Insónia

Aplicar a luz azul e índigo.

Irritabilidade

Banhos de luz, verde e azul, no corpo todo e beber água solarizada (3 copos por dia).

Queimaduras

Aplicar luz azul para aliviar a dor.

Rouquidão

Beber água solarizada azul em pequenos goles. Aplicar luz azul na garganta a cada meia hora. Respirar o raio azul no amanhecer.

Regularmente disponibilizarei dicas úteis, práticas e simples para usares 🙂
Se sentires alguma necessidade concreta ou mais vaga permite-te ser ajudad@ 😉 …

Contacta-me

Abraço Colorido e Luminoso…


  • 2

Características das cores

Category:Artigos,Cromoterapia,Grow-Up Tags : 

A VIDA É ARCO ÍRIS

Cada cor tem uma energia/vibração própria e diferenciada, razão pela qual exerce em nós física, psicoemocioal e energeticamente uma influência/efeito/reacção diferente.

Deixo-te as caracteristicas base de cada cor para que as possas conscientemente usar no teu quotidiano.

Vermelho – é estimulante, afasta a depressão, tira o desânimo. É a cor das conquistas, da acção, das paixões e da sexualidade. Corresponde ao Chacra Básico, estimula a circulação do sangue e os nervos, provoca a ativação/produção de adrenalina e combate os efeitos nocivos do frio. É altamente revigorante, energético e excitante… Atua sobre o sistema nervoso, imprimindo confiança, coragem, iniciativa e força de vontade, fazendo superar a depressão e o cansaço. Indicado nos casos de anemia, paralisia, má circulação, pressão baixa, reumatismo, constipações, bronquites e depressão.

É contra-indicada para temperamentos agressivos e coléricos, febre alta e hipertensão. Não deve ser usada em casos de tensão pré-menstrual, cãibras musculares e pressão alta.

Laranja– é restauradora e regeneradora, traz recuperação depois de um processo destrutivo e a capacidade de refazer o que não está certo. É a cor do apetite/comida, da coragem, da reconstrução e da melhora. Corresponde ao Chacra Esplenico. O laranja estimula o sistema respiratório e a fixação de cálcio. Aumenta o tónus sexual e proporciona o otimismo. Possui ação antiespamódica, alivia cãibras e dores devidas à tensão e ao stres.

Do ponto de vista psicológico ajuda a remover repressões e inibições. Amplia a mente e torna-a receptiva a novas ideias. Indicada nos casos de problemas com baço e rins, cálculos biliares, artrites, reumatismo, bursite, obesidade, torceduras (braço, pé, joelhos, punhos) e problemas respiratórios.

É contra-indicado para pessoas com insónia.

Amarelo – é ativadora e dinâmica, age sobre os processos mentais. O amarelo afasta as ideias fixas e aumenta a capacidade de raciocínio. É a cor da inteligência, do estudo e da criatividade. Não é indicado para pessoas com inseguranças ou imaturidade. Corresponde ao Chacra Plexo Solar. O amarelo atua nos sistemas nervoso central e autónomo simpático, vitaliza os neurónios favorecendo o raciocínio e a memória. Combate a preguiça funcional dos órgãos internos, estimula o fígado e os intestinos. Vitaliza o coração e todo sistema circulatório. Favorece a defesa imunológica do organismo.

Do ponto de vista psicológico estimula o raciocínio lógico, melhora o autocontrole, favorecendo o equilíbrio e o otimismo. Indicado nos casos depressão, eczema, indigestão, constipação intestinal, problemas no fígado, vesícula biliar e diabetes.

É contra-indicado para insónia, excitação mental, nervosismo, diarreia, gastrite e alcoolismo.

Verde – é calmante e equilibradora. O verde melhora qualquer estado físico negativo e energiza o corpo e a alma. Corresponde ao Chacra Cardíaco. O verde é a cor da natureza, do equilíbrio, da saúde, da paz e da harmonia. Age sobre o coração e na pressão sanguínea. Acalma e descongestiona. Neutraliza o excesso do vermelho, alaranjado e do amarelo.

Do ponto de vista psicológico, o verde traz um sentimento de renovação e vida nova. Indicado para baixar a tensão arterial, baixar a febre, insónia, problemas emocionais, ativar o crescimento das crianças, vitalizar os órgãos do sistema digestivo, vitalizar órgãos do sistema urinário, estimular o pâncreas e nos tratamentos de cancro.

O verde não tem contra-indicação, mas devemos usá-lo com prudência e não exagerar. Devendo ser evitado nos casos de cólicas ou de úlceras gástricas.

Azul – traz equilíbrio, paciência, harmonia e serenidade, tranquilizando o corpo e a mente. Ajuda nos casos de insónia e stress. Corresponde ao Chacra Laríngeo. O azul é uma cor suavizante e calmante que atua no sistema nervoso central. Possui propriedades antisépticas, refrescante e adstringente. Vitaliza as glândulas tireóide e paratireóides, além dos órgãos da garganta e do sistema respiratório.

Do ponto de vista psicológico, o azul proporciona relaxamento, paz e quietude. Indicado para problemas de garganta em geral, febres, inflamações, dores de cabeça, insolação, disfunções da hipófise e da tireóide, insónia, queimaduras e nervosismo. O azul ‘contra-balança’ o excesso de vermelho.

É contra-indicado para constipações, arrepios de frio, depressão e fadiga. Não é indicada para pessoas que sofrem tensão arterial baixa.

Índigo – trabalha o equilíbrio energético, intuição, proteção, limpeza e purificação de ambientes. Corresponde ao Chacra Frontal. O índigo, assim como o azul, possui propriedade calmante e relaxante. É uma cor anestésica, antiinflamatória, anti-hemorrágica e cicatrizante. Atua no sistema nervoso central, trazendo calma e paz mental. Diminui a tensão sanguínea e o ritmo cardíaco.

Do ponto de vista psicológico, clareia, limpa as correntes psíquicas da mente e estimula a intuição. Indicado para o tratamento de todas as dores, infecções oftalmológicas, ouvidos e nariz, insónia, dor de dentes, eczema e acne. Não apresenta contra-indicações.

Violeta – é profundamente espiritual, mística e religiosa. Corresponde ao Chacra Coronário. O violeta aumenta o magnetismo pessoal. Atua de modo mais tranquilizante no sistema nervoso simpático, exerce efeito calmante no coração e purifica o sangue, estimula o metabolismo do cálcio e atua na formação hormonal. É anti-inflamatório, desinfeccionante, antistressante. É a cor da transmutação de energias.

Do ponto de vista psicológico, o violeta possui efeito curativo sobre todas as formas de neurose. Indicado para exercícios de concentração e meditação, no tratamento de todas as perturbações mentais e nervosas, tumores, cancro, raquitismo, perturbações no baço, problemas na bexiga. O violeta atua sobre quem está espiritualmente desequilibrado, descrente e sem conexão com as forças divinas e com o seu poder pessoal/sua essência. É contra indicado para esquizofrénicos ou vítimas de outros tipos de perturbação psiquiátricas.

Rosa – trabalha a afetividade, amor, harmonia e união, além de ajudar no equilíbrio dos relacionamentos pessoais e profissionais. Cor que vibra o amor, e o desejo de prazer. Enaltece a beleza feminina. Energiza o sistema nervoso, é tonificante e purificador sanguíneo. Indicado para desintoxicar os centros nervosos, tonificar e vitalizar os nervos, favorece a circulação de todas as cores. Não apresenta contra-indicações.

Branco – Transmite paz e faz com que a pessoa se sinta livre e purificada. É a união de todas as cores, combinação perfeita das frequências coloridas. Indicado para energizar todo o corpo. Não apresenta contra-indicações.

Preto – Cria proteção mas também confusão e induz ao isolamento, à introspeção e à auto-análise. Não é indicada para pessoas que se sintam deprimidas.

Apesar da Cromoterapia trabalhar basicamente com estas cores, existem cerca de outras 5.000 cores diferentes. E cada uma delas oferece um benefício. Outra combinação positiva é oriunda da mistura do amarelo com o verde, que resulta no verde limão. Essa cor é excelente para fortalecer os ossos, prevenindo doenças como a osteoporose.

A Cromoterapia na alimentação é altamente recomendada para repor a cor necessária ao organismo por forma a manter-se equilibrado e saudável.

A Cor nos alimentos será tema de outro artigo que já está escrito e … publicarei brevemente 😉

Se tiveres alguma dúvida, questão ou comentário, receberei com prazer o teu contacto

Abraço Colorido e Luminoso…

PRODUTOS RELACIONADOS

 


  • 0

O GOKAI (5 PRINCIPIOS DO REIKI) NA ATUALIDADE

Category:Artigos,Grow-Up,Reiki Tags : 

GOKAI NA ATUALIDADE

Atualmente tudo (noticias, conhecimento, divertimento, novas técnicas, informação, etc.) circula à velocidade da luz, a pressão do mundo externo é imensa e se por um lado é desafiadora, por outro chega a ser atrofiante, geradora de medo e bloqueadora da fluidez natural e equilibrada da Vida, chegando muitas vezes a ser antinatural.

Tudo neste momento circula tão rapidamente que chega a ser vertiginoso, as exigências, expectativas e distrações quotidianas são tantas, tão estimulantes e exigentes que fácil e rapidamente nos distraem e nos desviam do foco pessoal, do caminho, metas e objetivos que estabelecemos.

Ritmo este que nos causa sensação de estar sempre em perda de algo empurrando-nos frequentemente para uma correria desenfreada sem que saibamos ao certo em que direção seguimos e muito menos o que nos leva nem o que nos espera.
Sabemos e sentimos (por experiência própria ou pela de alguém que nos é próximo) que a depressão, ansiedade e o stress são na atualidade dos nossos maiores inimigos. Estes, são estados psicoemocionais nocivos, desarmonizam e geram efeitos negativos, limitantes e bloqueadores em todo o nosso sistema (biopsicoemocional e energético) com repercussões ao nível da saúde física, esta espiral negativa afeta, em última instância, a nossa saúde relacional e social.

Ansiedade, medo e stress estão correlacionados e são interdependentes por um lado, do nosso sistema de pensamentos, crenças e experiências passadas e por outro, da nossa dificuldade extrema em estarmos inteiramente presentes Aqui e Agora, dado que passamos a vida a saltar do passado (depressão) para o futuro (ansiedade). Assim, entre o remoer o passado menos proveitoso e a preocupação desmesurada com o que poderá acontecer no futuro perdemos o único momento que temos. o Presente!
É sinal de imensurável lucidez, consciência e de grande sabedoria aprendermos a transformar as energias e as emoções lidando construtivamente com elas.
Fundamentalmente num tempo em que tantas vezes os fins parecem justificar os meios e o ponto de chegada se torna mais importante do que a própria viagem, distanciando-nos tantas vezes, de forma quase antagónica, do nosso caminho…
Caminho este que se vai revelando de forma magnifica, se abrandarmos e observarmos, se nos conectarmos com o momento, percebemos de forma quase intrínseca, intensa e automática, que o caminho que percorremos é afinal repleto de cor, tão florido, perfumado, deslumbrante e prazeroso!
Atualmente a dificuldade maior não é continuar e resistir, mas sim parar… estar… sentir… observar… saborear… apreciar… descobrir… SER!

Urge praticar estratégias, técnicas, exercícios que te ajudem a acalmar o ruído e turbulência mental.

Desmistifica!

Acalmar a mente significa que os pensamentos continuarão a surgir, mas estes permanecem à superfície e no teu interior sentes o teu SER verdadeiro separado deles, observando-os sem te deixares arrastar nesse turbilhão, sendo assim capaz de vigiá-los e de julgá-los, aceitando-os como naturais que são, conservando o equilíbrio interno (e consequentemente externo) mantendo-te conscientemente conectad@ a cada experiência.

Existem inúmeras técnicas, exercícios e práticas que ajudam a atingir e permanecer nesse estado de tranquilidade, desde o Reiki, exercícios respiratórios, yoga, mantras, meditação, mindfulness, etc.

Se já fizeste a sintonização a algum Nível de Reiki ou se te manténs informad@ sabes que o Gokai – Os 5 Princípios do Reiki são um dos 3 pilares do Reiki e são uma das possibilidades para atingir este estado de consciência plena e tranquila.
Não obstante o facto de remontarem ao passado já longínquo, provavelmente nunca antes foram tão pertinentes, urgentes e valiosos como hoje!
Então, vem daí… vamos revisita-los! 😉

Os 5 Princípios do Reiki são
Kyo dake wa = apenas hoje
– Ikaru na – sou calm@
– Shinpai suna = Sou confiante
– Kansha shite = sou grat@
– Hito ni shinsetsu ni = sou bondos@ e respeito todos os seres
– Gyo-o hage me = trabalho dedicadamente

Sim! Exatamente assim, formulados pela positiva! Sem a palavra ‘não’!

O cérebro e o Universo desconhecem a palavra não, eles focam e reproduzem aquilo que verbalizas, te concentras e te focas!  Tens dúvidas? Deixo-te uma dica, acompanha-me 😉

  • Não penses num elefante vermelho!

Que imagem te surgiu? A sério?? Um elefante vermelho?! Mas … eu disse Não penses…! Lês-te a palavra não? Sabes o que significa? OK… então?? Pois é!! Tu lês-te e sabes o que significa, mas o teu cérebro nem por isso, ele  desconhece-a! Por isso reproduz o comando que deres ignorando o que desconhece… e assim é o Universo também, portanto toma atenção e cuida do que pensas, dizes, e em que te focas… 😉

Apesar de fazer parte do Reiki e ser um dos seus pilares fundamentais, um dos seus alicerces, o Gokai pode e deve ser praticado por qualquer pessoa, a todo e qualquer momento, independentemente de ser Reikiano ou não, de ter alguma sintonização ou não e independentemente do credo religioso professado ou até da ausência de um.
Mais do que um hiato no tempo ou um SOS, o Gokai é em si mesmo uma forma de estar na vida, encerrando em si o potencial de nos conectarmos connosco próprios, com a realidade que nos rodeia e com o Universo.
O Gokai é a grosso modo uma forma de meditação, um mantra aliado à posição Gasho (um Mudra) – postura corporal ereta e mãos juntas sobre o coração (o mais potente de todos os nossos órgãos) ou chacra cardíaco – vamos respirando profunda e tranquilamente enquanto mantramos ou dizemos de forma sentida os 5 Princípios.

Apenas hoje … porque este é o único momento que tens!

Paz e calma têm significados distintos embora interligados. A “calma” é o estado de tranquilidade interna que nenhuma pressão ou interferência externa podem abalar, é um estado de quietude e segurança interna inerente ao presente. O conceito de “paz” é ainda mais positivo, dado que engloba a tranquilidade, com a estabilidade e a harmonia, dando-lhe o continuum, um carácter de estado prolongado.
Só conseguimos estar calmos e/ou em estado de paz se e quando acalmarmos o arlequim da mente pensante, que urge pacificar.
Manter a calma, ser firme e enrraizad@ na essência, vivenciar a tranquilidade da mente, pressupõe autocontrole emocional e exige treino, mas proporciona incontestavelmente decisões mais adequadas e assertivas, para além de te  permitir agir em consciência em vez de reagires ao que quer que se te apresente.

… CONFIO!

Preocupares-te é esqueceres que há um propósito divino universal em tudo o que acontece. De nada adianta lamentar o que passou ou a preocupação à cerca do que poderá vir. O passado foi criado conforme o que dispunhas naquele momento e o futuro criamo-lo neste preciso momento.
A cada passo dado com amor, benevolência e pureza de atitudes e pensamentos, só poderemos criar um futuro melhor. Tudo o que chega até nós e onde nós chegamos, traz-nos sempre algo útil para a nossa caminhada.

… SOU BOMDOS@! Respeito todos os seres

Mostrares amor e respeito por todos os seres é amares e respeitares a Vida e a ti mesm@.
Somos todos um só, temos a mesma essência, a mesma origem, os mesmos desejos e estamos tod@s interligados. Somos todos parte da mesma energia. Porquê maltratarmo-nos? Porquê atrair vibrações mais baixas e densas? Julgando os outros estamos a julgar-nos, lembra te sempre que quando apontas um dedo a alguém tens 3 dedos apontados para ti ;). Respeita o próximo, respeita a nossa própria condição.
O uso deste princípio na vida trará indubitavelmente harmonia à Vida. Será a própria cocriação.

… SOU GRAT@!

Quando tomas atitudes de gratidão, sentindo-te agradecid@ por tudo o que tens e recebes e  confias que aquilo de que precisas te será fornecido a todo e a cada momento, atrais abundância porque a aceitas como parte integrante da tua vida e de tudo o que te envolve.
A Lei da gratidão pressupõe a mudança de foco do medo para o reconhecimento e agradecimento pelo que que se possui e se recebe quotidianamente, portanto agradece e acima de tudo sente-te agradecid@! Genuinamente agradecid@!

Diz o dicionário à cerca disto, que

  • gratidão: Sentimento de lembrança e agradecimento por um bem recebido, em relação ao autor. = RECONHECIMENTO. 
  • obrigado: Expressão usada para mostrar muita gratidão (ex.: esta ajuda foi preciosa; muito obrigado!). 

Quando dizes ‘obrigado’, estás a agradecer, mas mais do que isso, estás também a comprometer-te/obrigar-te a retribuir, a praticar o retorno (mais uma Lei Universal ;), a praticar a generosidade e a nutrir a teia da abundância. Reconhecendo que nada nem ninguém tem o dever de te ‘servir’, despertas essa acendalha cardíaca, o sentimento de amor, reconhecimento, comprometimento e retorno.

Se no teu subconsciente subsistirem crenças limitantes sobre merecimento, possuir bens, riqueza, saúde, lazer, etc. estarás a bloquear o generoso fluxo da abundância. Fluxo esse que o Universo considera teu, meu, de cada um de nós por direito inalienável atribuído à condição humana.

… TRABALHO DEDICADAMENTE!

Se trabalhares, assim como em tudo o resto, honestamente, com dedicação, prazer, amor e consciência, estarás antes de mais a aumentar o teu amor-próprio, a autoestima, a autoimagem e autoconceito, mas também a deixar legado e a expandir esse Amor produtor e produtivo. Sentes-te bem com a vida e o que te rodeia, o que irradiará harmonia na tua vida, a todos os outros seres e ao mundo.
Entende como trabalhar, o contributo que dás, a pegada que deixas de ti nos outros e no mundo. Pressupõe fazeres a tua parte, dar o teu contributo à humanidade, mas implica também autotrabalho, autoconhecimento, autoinvestimento e crescimento pessoal e espiritual crescentes e contínuos.

O Reikiano é aquele que aplica estes princípios no seu dia-a-dia, crendo no fluir da Energia Universal e aplicando-a em tudo o que faz, no entanto não é obrigatório ser Reikiano para os aplicar e vivenciar diariamente.
Já o experimentaste? Experimenta!

Falo por mim também. Por vezes é difícil lidar com as energias que chegam até nós, mas há que aprender a transformá-las e usá-las da melhor forma. Não podemos esperar que os outros o façam por nós.
Os outros são espelhos que nos ajudam a ver como somos, o que precisamos corrigir e por onde queremos seguir, pois é a nossa própria vibração que atrai ou repele as vibrações dos outros, tal como as cargas dos eletrões, protões e neutrões.
Nós Somos Os Cocriadores Da Nossa Vida, Está Na Hora De Assumir Essa Responsabilidade!

PRODUTOS RELACIONADOS

Namasté
Abraço Colorido e Luminoso


  • 0

ORGONITE – DESMISTIFICANDO!

Category:Artigos,Grow-Up,Orgonite Tags : 

O que é Orgonite e o que não é

ORGONITES são produzidas com base de resina mas, nem todos os objetos de resina são Orgonites!

Orgonite é um objecto que produz ORGON ou ORGONIO, energia criadora e criativa Universal da VIDA.

Tem aspecto semelhante a um pisa-papéis, é produzido artesanalmente e a sua forma depende do objectivo / destinatário a que /quem se destina.

Cada peça permite adicionar os ‘ingredientes’ específicos e necessário ao fim a que se destina, conjugando-os harmoniosamente.

Por exemplo o conjunto para limpar e harmonizar os 7 chacras.

Os componentes base da uma Orgonite, sem os quais não há produção de Orgon, são:

  • Resina – componente orgânico da orgonite, atrai a energia, é o grande responsável pela sinergia criada pela relação entre os elementos presentes;
  • Cobre – condutor da energia em contínuo, grande responsável pela transmutação da energia (negativa em positiva). Cabe-lhe ainda a função de propagação do Orgone para lá da Orgonite refletindo-o, expandindo-o, propagando-o pelo ambiente (em espiral é o mais usual);
  • Cristal Quartzo hialino – direcciona, produz energia, harmoniza, faz a ligação com a Consciência Cósmica, personaliza e expande;
  • Limalhas finas de metal (o mais vulgarmente usado é o alumínio);
  • As proporções base recomendadas são 50% metal – 50% cristal (estes valores oscilam dependendo da finalidade | necessidade).

O Orgónio é dinérgico, ou dito de outra forma, aglutina energia e conhecimento provocando e alimentando permanentemente o processo de autoregulação, de harmonização, equilíbrio, evolução e sincronia com o universo sendo per si um gerador pulsante e permanente de VIDA!

Portanto, objetos construídos com base de resina, sem a presença dos componentes acima descritos, podem ser muito apelativos, decorativos, maravilhosos à vista, podendo ter utilidade mas, deixemos claro: NÃO PRODUZEM ORGONIO!

Produzir | Fabricar uma Orgonite é um processo moroso e delicado, exige um projeto a executar por fases sequenciais:

  • Conhecimento e competências nas diferentes e complementares áreas alternativas;
  • Investigação e estabelecimento do objetivo a que se destina;
  • Aquisição / Seleção dos elementos que permitirão atingir o pretendido;
  •  Definir a forma mais apropriada;
  • Produzir a Orgonite, respeitando as fases necessárias e sequenciais até ao momento de a desenformar;
  • Retoques de polimento;
  • Consagração (facultativo).
  • Finalmente a entrega da peça!

Uma Orgonite será tão mais eficaz quanto mais personalizada for, para tal é de todo essencial saber a que / quem se destina, qual será a sua função, qual é a necessidade, o que precisa de correção, o que está em desequilibro, o que está desviante da Norma do Criador…

Em função disto aos componentes base, associo / adiciono ‘ingredientes’,  peças ou exemplares de diferentes áreas holisticas, alternativas ou complementares conforme a necessidade e finalidade especificas estabelecidas para cada Orgonite.  Faço a escolha desses componentes em conformidade com o que se pretende limpar | Harmonizar | potenciar | realizar | atingir etc.

Isto depende, obvia e fortemente dos conhecimentos e competências de quem a produz.

Na produção de cada orgonite podem conjugar-se, com os componentes base, elementos específicos da Geometria Sagrada, Fitoenergética,  Cromoterapia, Cristaloterapia, Gráficos e/ou Símbolos (ex. de Radiestesicos, Reiki, Religiosos, Cabalisticos, etc.),  Numerologia, etc. SEMPRE com harmomia, conhecimento e sabedoria.

As Peças ou Orgonites assumem formas, dimensões, aspetos muito diferenciados dependendo da sua finalidade.

Quanto à forma, as mais vulgares são:

  • Piramidais (devendo ser feitas à escala das Pirâmides de Guizé);
  • Cónicas;
  • Segundo a Geometria Sagrada.

Cada Orgonite Personalizada pode ser:

  • Pessoal e/ou Empresarial: construída para responder à necessidade da pessoa/empresa a quem se destina;
  •  Ambiental: construída em conformidade com o que precisa ser corrigido naquele ambiente, empresa, escritórioo, divisão da casa, etc.
  • Mista: associa a necessidade pessoal à do ambiente em que esta se insere ou movimenta.

Muito ainda ficou por dizer, no entanto espero ter cumprido o objetivo de deixar claro a maravilha que é uma Orgonite e o o que faz de cada peça um exemplar único …

Se te ocorre alguma questão, entra em contato!

Tenho todo o gosto em partilhar e contribuír…

PRODUTOS RELACIONADOS

ORGONITES

Mandala Atlante  Mandala da Prosperidade Mandala Prosperidade
Com Água Marinha Com Cristais e Fitoterapia Com Cristais e Fitoterapia
MESA DE TRABALHO PERSONALIZADA VIEIRA DE HARMONIZAÇÃO
Cristais, Reiki, Geometria Sagrada, Fitoterapia e             Cromoterapia   Limpeza e harmonização dos Chacras

                                          

                                    

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


  • 0

Orgone e Energia Orgónica

Category:Artigos,Orgonite,Start Tags : 

ENERGIA ORGÓNICA 

O QUE É E COMO SURGIU O TERMO ‘ORGONE’’
Energia Orgónica, é o mesmo que Força Vital, Bioenergia, Prana, Chi, Ki, Energia Universal, refere-se e deriva dos conceitos de organização, organismo e orgasmo.

Este termo foi desenvolvido pelo Doutor Wilhelm Reich para descrever a energia universal ou a substância primordial e geradora da Vida que tudo gera e tudo permeia.

RETROCEDER PARA COMPREENDER

Há cerca de 5000 anos os chineses não só designaram esta energia Chi, como demonstraram o beneficio de a manter num fluxo de fluidez dinâmica, condição essencial para a existência saudável de todo e qualquer Ser Vivente.
TUDO É Energia e como tal quando em qualquer Ser esta energia fica bloqueada, condensada, congestionada, cristalizada em algum ponto do corpo, surgem doenças.
Algumas técnicas têm sido desenvolvidas, testadas e comprovadas como benéficas para o desbloqueio dessa energia Universal, desde aplicações localizadas com as pontas dos dedos (doin) ou com o uso de agulhas (acupuntura) para desbloquear esta energia, fazendo uso de agulhas (acupuntura) ou pressão dos dedos (EFT), imposição das mãos (Reiki) onde existe o bloqueio dessa energia.

Quando a energia circula natural e fluidamente pelos meridianos e o equilíbrio a saúde são restabelecidos. A história demonstra que os chineses já tinham este conhecimento a cerca de quatro mil anos. Pitágoras (571 a.C.- 497 a. C.) filosofo, matemático, astrónomo, médico, denominou esta energia como “pneuma”.  Hipócrates de Cós (Cós c. 460 a.C. – Tessália, 377 a.C.) o “Pai da Medicina” ou o “Pai das Profissões da Saúde” designou esta Energia como 2Força Vital”. Acreditava que o perfeito equilíbrio entre corpo, mente e espírito só é possível quando e se esta energia circula em perfeito equilíbrio, fundando a chamada medicina Holística.

VOLTANDO À ACTUALIDADE

O Dr. Wilhelm Reich (1897-1957) (dedicado à Psicanálise, Biologia e Física) procurava cura para o Cancro. Reich considerava os tumores como o último dos estágios de uma doença evolutiva ao longo dos anos, apresentando como primeiros sinais ou sintomas os desequilíbrios psíquicos. Enquanto consultava pacientes com problemas psíquicos, Reich identificou a existência de uma energia biológica.

Nas suas experiências Reich desintegrava, infusões de água e diferentes tipos de matéria como erva, carvão, areia, etc, a matéria inchava e desintegrava-se – eram então formadas vesículas microscópicas a que ele designou como “bions”. Estes bions podiam mais tarde aglomerar-se e formar microrganismos tais como amebas e paramécias. Reich constatou que emanava desses bions uma energia azul, que ele se apercebeu ser a energia vital que permitia a formação de bions e a sua transformação em protozoa.

A esta Energia Vital chamou “ORGONE”. Depois de anos de experiências, muitas delas fora do laboratório, Reich concluiu que o Orgone permeia tudo e está presente em todo o lado, incluindo na atmosfera, considerando o Sol como o maior produtor de Orgone.

Wilhelm Reich demonstrou que o orgónio é a energia primordial da vida. Esta energia está presente em todo universo e pode ser mensurada e detetada visual e termicamente, através de eletroscópios e medida com contadores Geiger-Mueller, tendo descoberto a forma de mensurar e manipular esta energia através do estudo e uso de “acumuladores de orgónio”.
Ao que se chamava “bloqueio energético” Reich designou como modelos de tensão muscular crónica, que ele chamou de ‘couraça muscular’ e são equivalentes aos bloqueios energéticos da acupuntura. Reich descobriu que a perda da rigidez crônica dos músculos resultava frequentemente em sensações físicas particulares como sentimentos de calor e frio, formigueiro, comichões e algo como uma ‘espécia’ de “despertar” emocional. Concluiu então que essas sensações tinham origem num estilo de vida sedentário e no quotidiano vegetativo, ou seja, um estado de carência de fluidez, de subnutrição energética do organismo.

O PODER MÁGICO DO ORGÓNIO
Uma das características do orgónio é a capacidade de equilibrar, nutrir e organizar os ambientes nos quais está presente, e assim dos Seres presentes nesses ambientes. O Orgónio / Orgone coloca tudo o que está ao seu redor, e sob a sua influência em sintonia com o universo, estabelecendo uma ligação direta, abrindo uma autoestrada direta e com via verde com a Energia Vital Primordial de Vida Universal.
Desta forma, os processos de cura na presença de orgónio dão-se se forma subtil, mas profunda embora nos pareça complexa. No caso das curas energéticas, o terapeuta ou facilitador, o ‘canal’, é na verdade um canal, um fio condutor dessa Energia Orgónica, tendo ou não conhecimento racional e consciente do processo de cura, tem sem dúvida alguma um conhecimento intuitivo, que permite a fluidez, a passagem dessa Energia proporcionando, facilitando a cura; funcionando como um “neurônio do universo” atua como um canal para o acesso, movimento dinâmico e manifestação desta energia na medida que estabelece com o ‘cliente/paciente’ um contato orgonótico.

ORGÓNIO – O oceano de energia cósmica

Reich (entre outros) comprovou, validou, conceituou cientificamente a existência e a influência da Energia Cósmica Universal, o orgónio, que assume, por um lado uma forma livre, cósmica, etérica e por outro lado diretamente ligada à matéria viva, bioenergética. Muitos dos seus seguidores trabalham apenas com o conceito bioenergético do orgónio, como acontece na biodinâmica e na bioenergética.

Esta energia produz nos organismos algumas atividades bioelétricas e biomecânicas. A partir deste princípio foram feitas uma série de transposições de termos usados na medicina e na Física, que por serem tão específicos, dificultam o entendimento comum. Assim destaca-se que é importante ter em mente que a energia orgónica não é uma carga elétrica, apesar de às vezes produzir uma concentração de cargas elétricas na superfície pele.

O Orgónio destaca-se pelo seu caráter organizador, curativo, harmonizador, gerador de equilíbrio, evolutivo, agregador e autorregulador. Reich reconhece o orgónio como tendo um comportamento carregado de significado (“meaningful behavior”). O Orgónio é uma forma sábia e autónoma de energia que propicia o equilíbrio dinâmico dos ecossistemas e subsistemas. Estas características englobam a esfera da energia, mas vão muito para além dela! Entram na esfera da ordem, da informação, do conhecimento, do julgamento. Portanto, pode ser redutor falar do orgónio como apenas uma (ou mais uma) forma de energia, por mais cósmica e universal que ela seja. A energia é apenas uma faceta do orgónio, a outra é o seu autoconhecimento, que, vinculado pela energia, produz um comportamento autónomo e inteligente Gerador de VIDA!
Doczi percebeu que os processos de desenvolvimento e crescimento na natureza são regidos pela proporção áurica (que tem padrão informativo e conhecimento intrínsecos), para traduzir isso propôs o termo dinergia (dia-energia: através da energia).
Orgónio é dinérgico, um princípio abrangente que aglutina energia e conhecimento, que assim justifica per si ser a mola injetora do processo de autoregulação, de evolução do universo e gerador pulsante e permanente de de VIDA!

De uma forma algo simplista, num organismo são, a energia orgónica está em constante movimento (designada como energia OR). Num organismo debilitado, e encouraçado, a descarga e circulação são limitadas, ou seja, parte da energia OR não é aceite, descarregada ou processada ficando aprisionada. Desta forma, ficando estagnada cristaliza, criando nódulos energéticos, (convertendo-se em energia DOR (Deadly ORgone)), gerando desequilíbrios psicoemocionais e doenças.

Quando o bloqueio energético é eliminado, a energia DOR encontra uma forma de eliminação dos resíduos tóxicos nas excreções naturais e a energia volta ao movimento normal no organismo sobre a forma OR, a energia Cósmica de VIDA!

Este imenso, intenso e profundo “oceano vivo de energia cósmica” citado por Reich encontra a sua génese no ponto-zero!

Ponto este, já sobejamente estudado, comprovado e divulgado tanto pelas áreas mais cientificas, como a Física e Mecânica quânticas, como também pelas áreas mais energéticas e complementares e de uma forma geral já aceite e integrado de forma transversal, holística e ecléctica.


A Física Quântica é tanto ciência como espiritualidade, é o caminho de volta à Vida Eterna no Universo que nos Criou. 

<Vradimir Alexandre>

Sabemos hoje que este Ponto- Zero é o campo puro, fértil e fertilizado onde germinará o que lá for plantado, é o ponto detentor de todas as possibilidades e palco do trabalho de Expansão Quântica da Consciência (EQC) bem como o ponto de foco e enfoque da Metodologia de Grigori Grabovoi (mais conhecido como: Os Números que curam).
Recomendo a leitura, entre outros, do livro de dois volumes “A Descoberta do Orgone” do Dr. Wilhelm Reich (1897-1957).

PRODUTOS RELACIONADOS

Mesa de Trabalho personalizada (com nome) para Limpeza e Ativações

(Com Cristais, Numeros de G. Grabovoi, Geometria Sagrada, Fitoterapia e Cromoterapia)

Produzimos por encomenda

Abraço Colorido e Luminoso…


  • 0

O POTENCIAL HUMANO E A FELICIDADE

Category:Artigos,Grow-Up Tags : 

ENTREVISTA COM RICHARD DAVIDSON

12 de julho de 2017

Richard J. Davidson, PhD, é coautor do livro “O estilo emocional do cérebro” que está na lista de mais vendidos do New York Times e ocupa a cátedra William James e a cátedra Vilas de Psicologia e Psiquiatria na Universidade de Wisconsin-Madison, onde também é o diretor do Laboratório Waisman para Imagem e Comportamento do Cérebro. Amigo e confidente do Dalai Lama e considerado pela revista  Time, em 2006, uma das pessoas mais influentes do mundo, Dr. Davidson tem-se destacado amplamente nos media populares, inclusive o programa da ABC Nightline, o National Public Radio, a Time magazine, NewsweekCharlie RoseHarvard Business Review, e O, The Oprah Magazine, além de outros meios de notícias norte-americanas e internacionais

Q: Quais são as melhores formas de se criar resiliência – que é a habilidade de se recuperar depois de momentos difíceis.

Richard Davidson: Práticas simples de mindfulness (atenção plena) que cultivam o reconhecimento básico de que estamos conscientes ajudam, especialmente quando podem ser integradas facilmente no dia-a-dia, em vez de serem apenas praticadas quando estamos sentados na almofada de meditação. Coisas como ir de casa para o trabalho, lavar a louça, caminhar ou limpar a casa trazem oportunidades de fazermos essas tarefas com mais intenção, reconhecendo a consciência. Está com atenção ao que está a fazer, e ao mesmo tempo, reconhecendo no fundo essa qualidade da sua mente e a natureza da consciência. Este tipo de prática, com o tempo, vai levar ao desenvolvimento de resiliência.

Q: Diz então que se estivermos focados, com atenção nalguma coisa – como correr, fazer caminhadas ou andar de caiaque –, isso pode funcionar como meditação?

Richard Davidson: Fazer atividades com atenção possui algumas caraterísticas semelhantes com a meditação, mas é também diferente em aspectos importantes. Quando estamos envolvidos em atos contemplativos intencionais, como meditação, nós invocamos a intenção de que estamos a praticar não diretamente para nós mesmos, mas para o benefício dos outros.

“Cultivar uma mente calma e um coração carinhoso não é apenas bom para nós mesmos – é bom para todos com quem temos contato.”

Quando corremos ou jogamos tênis, normalmente nós não invocamos a intenção de que estamos a fazer isso primordialmente para o benefício dos outros. Mas a poderiamos… e isso poderia mudar a natureza desse tipo de atividade de forma importante. Como praticante, assim como cientista, tenho muitas razões para acreditar que quando fazemos as coisas com uma intenção altruísta, isso produz efeitos diferentes, incluindo efeitos biológicos. Convido as pessoas a tentar – realize as suas atividades de lazer com uma intenção altruísta – e veja o que acontece.

Q: Ver o que há de positivo no mundo, que parece estar tão cheio de notícias ruins, requer um esforço. Por que esse esforço é importante?

Richard Davidson: Em primeiro lugar, a maneira como fez a pergunta está baseada na suposição de que o mundo está realmente cheio dessas coisas ruins. Mas os dados sugerem que não é bem assim. Por exemplo, os casos de violência têm diminuído dramaticamente nos últimos 200 anos – mesmo se incluirmos as guerras, violência com armas de fogo, e terrorismo, há na verdade menos violência hoje do que cem anos atrás.

O motivo pelo qual o mundo parece tão ruim é porque os media amplifica isso. Ao contrário de há 100 anos atrás, nós temos a capacidade para uma amplificação viral. Mas, quando realmente refletimos sobre nossa vida diária, a maior parte das pessoas – não todos, mas a maioria –diria que a incidência de ações positivas é muito maior a cada dia do que a incidência das coisas muito ruins.

“Se trouxermos nossa atenção para os simples e comuns atos de gratidão e de reconhecimento que enchem os nossos dias, nós tornamo-nos mais conscientes desses tipos de atividades, e elas podem-nos ajudar a ver que existe na verdade essa bondade básica, fundamental e inata.”

Nós de fato manifestamos essas qualidades positivas, e os desvios disso são raros. Esses desvios dominam a nossa atenção porque o nosso cérebro é criado para detectar discrepâncias e contrastes. O convite nesse trabalho é prestar mais atenção e estar mais consciente das granularidades da bondade no dia-a-dia.

Q: Por que a capacidade de controlar onde colocamos nossa atenção é uma habilidade importante para o nosso bem-estar? Coisas como apps para treino do cérebro são úteis para aprender a controlar nossa atenção?

Richard Davidson: Estudos mostram que os apps para treino do cérebro tornam-nos melhores naquela atividade específica que estamos a treinar, mas não nos tornam melhores de modo geral. Há muitas coisas diferentes que podemos fazer para treinar nossa atenção, e todas elas envolvem a qualidade do que eu chamaria de consciência meditativa. Ao ler estas palavras neste momento, pode prestar-lhes atenção e percebê-las na página ou no écran, mas também pode monitorar a qualidade da sua consciência. Quão atento está? Há pensamentos a borbulhar na sua mente? Como sente o seu corpo?  Pode aprender a monitorar essas qualidades da consciência que ficam no pano de fundo, sem sacrificar o seu foco no objeto principal. É a isso que chamamos de meta-consciência.

Qualquer prática que envolva esse cultivo intencional de meta-consciência pode levar a uma generalização de habilidades em que, ao contrário dos apps de treino do cérebro, o treino permanece para além do contexto específico. Podemos trazer essa qualidade da consciência meditativa para qualquer coisa – ler as notícias, comer ou conversar – mas é difícil fazer isso no mundo real. É provável que se perca no que está a fazer. Por isso é que praticamos na almofada, para que tenhamos esse estado disponível de forma mais espontânea na vida real.

Q: Pesquisas mostram que as sensações boas que temos quando somos gentis e generosos duram mais que as sensações boas que temos com outras coisas agradáveis. Por que acha que isso acontece e o que isso diz sobre nós?

Richard Davidson:  Ainda não sabemos exatamente neste momento, mas existem teóricos evolucionistas que argumentam que o altruísmo e a cooperação são mecanismos muito importantes na evolução. Pode muito bem ser que esse efeito positivo prolongado que é experienciado quando alguém se engaja em atos de generosidade seja parte de um sistema evolutivo que nos ajuda a manter esse tipo de altruísmo e comportamento pró social, que pode ser um ingrediente chave para um desenvolvimento evolutivo com êxito.

*Traduzido do artigo publicado no site do 1440 Multiversity (https://1440.org/human-potential-and-happiness-an-interview-with-richard-davidson/)


  • 0

O UNIVERSO CONSPIRA CONTIGO…

Category:Artigos,Grow-Up Tags : 

… e TU, conspiras a teu favor?
Dia 7 de Agosto de 2017, por volta das 15h30, a Lua entra na sua fase cheia e em Aquário, com aspeto tenso aspecto com Marte, mas em parceria com Júpiter, isto enquanto se dá o seu eclipse.

Esta conjugação, e em conformidade com o processo em curso de alinhamento evolutivo do planeta e da humanidade, este eclipse Lunar potencia transformações aceleradas, profundas e amplas, podendo até ser radicais repercutindo-se pelo próximo meio ano.

Os ‘efeitos’ ou influência serão sentidos não só nos temas mais globais e amplos que envolvem a humanidade na sua totalidade, ou a realidade coletiva, mas também nos processos mais individuais | pessoais.

De uma forma ou de outra todos nós sentiremos a sua influência e a aceleração nos processos de transformação. O maior ou menor impacto dependerá do que cada um já caminhou… em cada área específico da sua vida.

Ainda que os termos ‘transformação e mudança’ provoquem algum receio, a verdade é que se a borbuleta não romper o casulo nunca voará! A verdade mais permanente na Vida é a sua própria impermanência, as transformações, mudanças e processos cíclicos são o garante do próprio processo de vida!

As transformações, os apelos de mudança e os próprios imprevistos sincrónicos já começaram a manifestar-se de forma inegável desde o inicio deste ano.

Ano 1 com energia vermelha associado ao aspecto deste eclipse, diz-nos que as transformações serão positivas, muitas delas desejadas, muitas sendo até somente o resultado inevitável e merecido de todo o trabalho anteriormente desenvolvida e realizado.

Sejamos gratos pelo apoio do Universo | Vida e abracemos agora o fluxo criativo que nos convida a percorrer o Novo caminho, tão bem representado pela energia cromática do Vermelho!

Fica o apontamento sumário de influência para cada signo

Carneiro

Individualistas por natureza sentirão agora o apelo a voltarem-se para os outros, para temas que incluem a vida social e os projetos em equipe. Estabelecerão amizades com maior facilidade e naturalidade, tendência ao surgimento de alguém especial que se tornará definitivo e significativo. Do surgimento de uma relação comercial, com empresa, clube, organização com peso e significado, pode derivar em uma nova e profícua relação de trabalho.

Touro

Preparem-se para transformações profissionais e novos projetos de carreira. Um novo projeto pode surgir, ganhar forma e trazer as mudanças há muito desejadas e até esperadas. A sua imagem profissional e pública evolui e haverá mais procura do seu desempenho profissional, aumentarão as solicitações, prepare-se para dar resposta.

Gémeos

Mais voltados para as transformações em projetos a médio prazo, que podem aparecer a partir de agora. Isto pode ser originado por uma viagem que se revelará extraordinária e marcante, tornando-se a incubadora desses projetos. Pode ainda ocorrer uma mudança de habitat ou seja, mudança de cidade ou país.

Caranguejo

Mais voltados para transformações ao nível emocional. Exorcizarão emoções e sentimentos, procederão a uma reciclagem profunda no que concerne a pessoas e situações que já não acrescentam nada de novo nem de positivo, abandonando pessoas e situações que já não têm motivo nem espaço para permanecerem nas vossas vidas. Pode sugerir também um acordo ou negociação de uma nova parceria, seja por herança ou divórcio, incluindo a entrada de uma quantia significativa de dinheiro.

Leão

Estarão mais voltados para as transformações relacionais, tanto pessoais como profissionais. Estas podem incluir um namoro, casamento, ou uma nova parceria ou sociedade comercial, anunciando mudança positiva e sucesso. Estarão mais acessíveis e abertos e receptivos à vida social e aos amigos.

Virgem

Concentrados para a coordenação de uma nova rotina laboral. Um novo projeto pode ser responsável pelas mudanças quotidianas. Para os que não tinham trabalho respirem porque surgirá oportunidade | proposta neste período. Sendo a saúde um pilar importante para os virgem, e muito provável se decidam a colocar em pratica mudanças práticas e objetivas em termos alimentares, de rotinas e exercício.

Balança

Voltados para os processos amorosos, de romance… para o <3

Os que estavam sós… vem aí paixão avassalador que poderá ser a força motriz de mudanças importantes na sua vida. Pode ocorrer também a chegada ou a mudança de um filho.

Estarão também com recetividade e abertura acrescidas, mais acessíveis, felizes e comunicativos, voltados para a vida social e amizades.

Escorpião

Focados nas mudanças do seio familiar, nas suas casas e relações familiares, podendo culminar com a mudança de casa, cidade ou país. A família e as relações familiares estão sob os holofotes, pai ou mãe pode mudar-se ou decidir viver consigo. Tudo se movimentará à volta de casa e família.

Sagitário

Percebem a necessidade e valor da comunicação e de tudo o que a inclui e envolve. Reuniões de negócios, incluindo muita comunicação, acordos e negociações, serão frequentes. Um novo projeto ou contrato de trabalho pode entrar em negociação e ser consolidado nas próximas semanas ou meses. As viagens podem entrar na ordem do dia.

Capricórnio

Focados no aspeto material da vida, o lado mais material e financeiro pede atenção e deparam-se com forte oportunidade de aumentar os rendimentos, ganhos e lucros. Este ciclo virtuoso tão desejado pode ser desencadeado pela comercialização de um bem, móvel ou imóvel, podendo ocorrer a qualquer momento. O dinheiro flui mais fácil e naturalmente.

Aquário

Esperem mudanças significativas ao longo do próximo meio ano em todas as áreas de vida. Novo projeto, novo emprego, nova escola, novo curso… podem trazer as mudanças tão desejadas como esperadas. Atenção também à onda romântica …. namoro casamento… quem chegar conquistará e ficará!

Peixes

Será um tempo reservado e voltado para o universo emocional mais pesado… reequacionamento e limpeza de pessoas e situações que pertencem do passado … encerramento e libertação desses ciclos e | ou pessoas. Este processo pessoal pode requerer a decisão de iniciar uma boa terapia ou um curso que proporcione autoconhecimento e desenvolvimento pessoal e espiritual.

Seja qual for o seu signo… a situação em que se encontra… os seus desejos | sonhos … necessidades…

Lembre-se SEMPRE que o Universo | A VIDA conspira a seu favor mas não faz tudo sozinh@ portanto arregace as mangas e … faça acontecer! … conspire a seu favor!

3…

2…

1…

Abraço Colorido e Luminoso


  • 0

O que é a SINTONIZAÇÃO AO REIKI?

Category:Artigos,Reiki,Start Tags : 

Ser Sintonizado ao Reiki pressupõe como pré-requisito único a vontade, a decisão!

Ser Reikiano começa com a Sintonização ao 1º Nível de Reiki, mas ser Reikiano é muito mais do que isso.

Ser Reikiano é viver a cada dia e cada situação em conformidade com os 5 Princípios, tendo-os como génese, como pilar base de transformação pessoal e de ligação ao Todo, com a consciência de que do mesmo somos uma parte importante, única e insubstituível!

Entende-se como SINTONIZAÇÃO o ato de ajustar um recetor à frequência de onda de um emissor, ou seja, é o processo pelo qual é retomada a relação dinâmica e harmónica entre o iniciado e a Energia Criadora do Universo ou da Matriz.

O acesso ou a ligação à Energia Reiki é feita através do processo designado como SINTONIZAÇÃO (aparecendo também designado por iniciação). No entanto a intensidade, profundidade e abrangência de energia flui de forma diferente em cada nível. Sintonização significa entrar em sintonia com …

Todos nós vivenciamos muitas e variadas sintonias ao longo da nossa existência! Com pessoas, com animais, com locais, com ideias e ideais, com paradigmas e com frequências energéticas.

Convém aqui sublinhar que a sintonização ao Reiki nada tem de religioso, de dúbio ou temeroso. O processo é completamente isento de riscos, efeitos secundários ou danos colaterais!

Independentemente das crenças pessoais, da religião, da prática religiosa ou da ausência dela, a sintonização ao Reiki promove alteração energética, consciência e equilíbrio. Exerce transformação (limpeza e harmonização) nas quatro dimensões do Ser: física; mental; emocional e espiritual. Espiritual nada tem a ver com seitas, grupos ou práticas religiosas, mágicas, místicas ou esotéricas! Ser espiritual é reconhecer que sou uma centelha da Matriz, que podes designar como Deus ou dar outra qualquer designação sem seres menos espiritual por isso!

O conceito de espiritualidade, como tudo o resto na Terra, vem sendo alterado e adaptado ao processo evolutivo humano e cientifico, atualmente alguns autores defendem a existência de uma espiritualidade inclusive no seio do ateísmo, p. ex. André Comte-Sponville fala de uma “espiritualidade sem Deus” … Espiritualidade assume-se assim no sentido de uma abertura para o ilimitado, o reconhecimento de sermos seres relativos, únicos e singulares e simultaneamente abertos e ligados ao absoluto. Tal implica reconhecer o potencial individual de Cocriar assumir que a realidade e ação individual tem implcação global, em última instância trata-se de assumir responsabilidade pessoal pela pegada que deixamos no Mundo.

Ser espiritual é reconhecer a dimensão maior, algo misteriosa ainda, mas ilimitada da nossa existência, sendo revelada a todo o instante através das mais maravilhosas descobertas, sincronicidades e fenómenos pessoais que transcendem a razão, o intelecto, os dogmas e a ciência clássica.

Atualmente, a espiritualidade é alvo de estudos científicos e quânticos no que se refere às suas relações com a saúde humana. A Organização Mundial de Saúde (OMS) bem como a Física e Mecânica Quânticas têm vindo a intensificar e a aprofundar as investigações e experiências sobre a espiritualidade enquanto constituinte do conceito multidimensional de saúde. Desde o final da década de 90 do séc. passado que a noção de saúde e qualidade de vida foram revistas e atualizadas pela OMS. Esta Organização inclui já as noções de bem-estar social e bem-estar espiritual como variáveis correlacionadas com a Saúde e qualidade de vida, sendo consideradas dimensões do estado de saúde, a par com as dimensões físicas, psíquicas e sociais.

Na sintonização ao Reiki o campo biomagnético, da pessoa que recebe a sintonização, é alterado positivamente pelo campo energético do Sensei ou Mestre ou Teacher de Reiki, em simultâneo com a própria energia Reiki. Ou seja, o Sensei | Mestre | Teacher de Reiki é apenas o canal, como se fosse o fio entre a tomada e a lâmpada… ou uma fibra ótica, através da qual passa o sinal, que é a energia Reiki. Uma vez estabelecida esta ligação ela permanecerá para toda a vida permitindo um continuo processo evolutivo crescente atuando de dentro para fora, do interior para o exterior, da pessoa. Nascendo do seu sentir, da sua perceção, refletindo-se nas suas atitudes, comportamentos e forma de ser estar e fazer no mundo e com os outros.  Dá-se uma transformação interna que se reflete externamente. Não obstante a falta de provas | testes científicos, a verdade é que empiricamente todos os testemunhos relatam alterações significativas e positivas.

Pessoalmente (enquanto Mestre-Teacher Reiki ou Sensei Reiki) fiz a experiência de medir a temperatura das salas, onde decorre a sintonização, antes e depois de a realizar. O resultado foi uma subida de 3 a 5 graus celsos, ou seja, depois da sintonização o espaço físico tem uma temperatura ambiente significativamente superior independentemente do local que seja, da estação do ano ou da hora do dia. Verifiquei ainda, por experiências próprias que isto acontece tanto em sintonizações presenciais como nas sintonizações feitas à distância.

Verificámos ainda (tanto eu como as pessoas por mim sintonizadas) qua a temperatura das mãos sobe significativamente durante as sintonizações (instala-se um calorzinho confortável e diferente do que acontece num dia de verão), tal como acontece sempre que ativamos a ligação ao Reiki ou fazemos uma sessão.

No entanto a minha experiência de quase duas centenas de sintonizações ao longo de duas décadas em variados sistemas (Reiki Usui, Kundalini Reiki, Raio da Abundância, Reiki Telepático, Chama Violeta de Kuan In, Reiki Golfinhos Atlantes, sintonização aos Cristais entre outros sistemas… ) tem-me mostrado que a questão da subida de temperatura da sala bem como a alteração da temperatura das mão é comum, transversal a todos os sistemas, estando diretamente relacionada com o processo de sintonização é comum a todos os Sistemas e a todos os sintonizados.

Voltando ao tema Reiki e Espiritualidade, sabemos intimamente e por experiências pessoais (e como se isso não bastasse a Física Quântica teve o mérito de o comprovar derrubando a barreira do ceticismo cientifico) que TUDO é energia! Somos, emitimos e trocamos energia a todo o instante com tudo o que nos rodeia.

Nesta realidade dinâmica e permanente, fácil e naturalmente se deduz que quanto mais elevada for a nossa frequência energética mais equilibrados e plenos estaremos e seremos, mais genuínos!

A Sintonização ou ligação à energia, desencadeia um processo de cura endógeno pautado por transformações energéticas que, apesar de serem internas e subtis, se refletem exteriormente na forma de ser, de sentir, de agir, reagir e de estar, resultando da limpeza e elevação da nossa frequência energética pessoal.

Obviamente as alterações não são um dado adquirido, não são ‘chapa cinco’ elas precisam ser alimentadas, nutridas pela ação, pela nossa vontade, foco e atitude, de forma diária, constante e consciente!  Ela pede continuidade, e fundamentalmente atenção, vontade, foco e coerência entre a teoria e a prática. As transformações revelar-se-ão pontuais ou fugazes se as atitudes não forem congruentes com a filosofia espiritual representada no Reiki pelos seus 5 Princípios, elas dependem da nossa consciência e da aplicabilidade prática.

A ligação a algo Maior que sentimos após uma Sintonização, é muito concreta, objetiva, envolvendo e sendo sentida nas nossas quatro dimensões: física, emocional, mental e espiritual, purgando as nossas emoções e pensamentos, repercutindo-se nos comportamentos e na saúde física, em suma traduz-se por mais e melhor realização pessoal, autoconfiança, fluidez, equilíbrio, bem-estar…

Resumindo:  SAÚDE e QUALIDADE DE VIDA!

… nas suas dimensões emocional, psíquica, física, espiritual e social!

E tu, ainda não estás sintonizad@? Decide-te e … contacta-nos!

 

Lembro-te que:

“Quando arriscas ir demasiado longe descobres o quão longe consegues chegar. É em cada decisão que tomas que te transformas, moldas o teu caminho e defines o teu destino”

 <Adélia Ribeiro>

 

Se te ocorre alguma questão, entra em contato!
Tenho todo o gosto em partilhar e contribuír…

PRODUTOS RELACIONADOS

 

 

 


  • 0

Horoscopo Celta Animal

Category:Artigos Tags : 

… O nosso lado animal!

O povo celta data de 1.900 a 1.500 A.C. na Europa. Caracterizados por uma cultura riquíssima a vários niveis, destacam-se por veneravam a mãe natureza nas suas diversas manifestações e pela relação com a Vida, advindo daí o horóscopo celta de animais.

Os celtas consideravam que os animais  simbolizavam uma espécie de arquétipo, por intervalos de datas, e que as características bases de cada Humano não só representava esse arquétipo como trazia em si as respectivas características base, à semelhança do que acontece com o horóscopo zodiacal, chinês, das árvores, das flores, xamânico, etc. …

São estes os treze símbolos animais e aqui vos deixo as características base de cada um:

  • Cervo [24 de dezembro a 20 de janeiro] – Os nascidos sob este signo são pessoas realistas, que cultivam a nobreza de ideais e o orgulho. Não toleram o desânimo e são proativos, empreendedores, perseverantes e íntegros, de ideais e desejos fortes. São pessoas indicadas para nos auxiliarem em novas ações e mudanças empreendedoras. São pacientes, metodicos e minuciosos, ultrapassam com mestria os obstáculos, autocontrolados, orgulhosos, dignos, nobres, trabalhadores e extremamente íntegros.
  • Gato [21 de janeiro a 17 de fevereiro] – De raciocínio rápido, intelectuais, intuitivos e curiosos.  Pessoas muito alertas, racionais, ótimos para nos ajudarem em planificações e novos projetos graças à sua visão ampla, são amáveis, brincalhões e humanitárias. Causam uma ilusória sensação de indiferença que advém do seu hábito de observador não participante, têm um grande coração, generosas, criativas e com forte tendência para as artes.
  • Víbora [18 de fevereiro a 17 de março] – Extremamente curiosas, comunicativas, zelosas e esforçadas.  A cobra simboliza a sabedoria, mudança e fertilidade em diversas religiões pagãs. Pessoas sob a influência deste signo apesar da aparente frieza são extremamente animadas internamente. Curiosas ao extremo (semelhantes às crianças na fase dos porquês), comunicativas, têm um forte poder de persuasão, zelosas, esforçadas, imprevisíveis devido sua espontaneidade. Embora sejam flexíveis gostam  mesmo é das coisas à maneira delas, e quando querem ou não querem fazer algo ninguém as convence do contrário. Em resumo, o signo da cobra é bastante controverso por si só, o que constitui um grande desafio para os mais impacientes ;).
  • Raposa [18 de março a 14 de abril] – Bem humoradas, inteligentes, vigorosas e românticas. Gostam de viagens. As pessoas sob o signo da raposa costumam ser manhosas, astutas, sexys, bem humoradas, maliciosas, inteligentes, sensíveis, e extremamente românticas! Possuem um brilho natural que anima as pessoas ao seu redor. Tímidas só até descobrirem a força interior que possuem, são fãs de viagens, gostam de se relacionar com pessoas de personalidade forte e místicas, gostam de aventuras e de histórias mágicas, não têm medo de novas vivências e experiências, leais, extremamente ligadas ao senso de fidelidade, são amigos valiosos para a vida toda, enérgicas e indomáveis.
  • Touro [15 de abril a 12 de maio] – Símbolo de amor e estabilidade, sempre com um ombro amigo disponível para quem precisar. Têm tanto de intuitivas, como de teimosas, ou seja: IMENSOOOoooo. São verdadeiros símbolos de força, estabilidade, amor, ombro amigo, excelentes conselheiros e orientadores valiosos, honestas, forte intuição. Numa primeira impressão podem parecer demasiado sensíveis sensíveis ou mal humorados (se são mesmo ou não, garanto que vale a pena pagar para ver 😉 ), Apesar de irritantemente teimosas, são dotad@s de um gosto impecável! … classe e elegância são intrínsecas e  naturais nessas pessoas, e são experts em guardar segredos.
  • Cavalo marinho [13 de maio a 9 de junho] – Flexíveis, bons o lado financeiro, excelente memória e carismáticas. Pessoas engenhosas, flexíveis, talentosas com as finanças e os assuntos jurídicos, têm uma memória extraordinária. Mergulham fundo em tudo que fazem, sentem ou pensam, são mutáveis, carismáticas, versáteis, adaptam-se com uma facilidade espantosa, amáveis e despertam o melhor que há nos outros.
  • Carriça [10 de junho a 7 de julho] – Assim como o pássaro que representam, gostam da liberdade, são trabalhadoras e gostam de música.   Atraídas por novas experiências e  sensações, livres, amantes da luz do dia, caridosas, normalmente têm talento para a música ou são apaixonadas por essa arte, engenhosas. Racionais perante e durante os problemas, possuem uma energia vital contagiante, auto motivadas, trabalhadoras, responsáveis, íntegras, possuem uma vontade quase incontrolável de viajar livremente privilegiam a racionalidade e as responsabilidades quotidianas.
  • Cavalo [8 de julho a 4 de agosto] – Poderosas, competitivas, talentosas. Não lhes falta charme e são ótimos líderes.  Com um dos animais mais majestosos da natureza como símbolo, as pessoas sob o signo do cavalo são exuberantes, poderosas, caras, competitivas, confiantes, talentosas, estrategas, negociadoras natas, adoram seduzir, gostam de andar em grupos, preferem manter as aparências, estilosas, ótimas líderes, charmosas, têm tolerância ZERO à ingratidão ou à falta de reconhecimento pelo seu trabalho. Teimosas ao extremo rondam o indomável…  ótimos para se ter ao lado nos momentos difíceis! São muito apegadas ao dinheiro e ao material.
  • Peixe ou Salmão [5 de agosto a 1 de setembro] – Idealistas, sonhadoras, talento para a poesia, mas muito introspetivas.  Pessoas muito inspiradas e inspiradoras, com grandes e brilhantes ideias, sonhadoras, intuitivas (apesar de não darem muita atenção a isso), vêem o mundo de uma forma única o que as torna grandes artistas, possuem talento para a poesia. São visionárias, têm uma perigosa tendência a mergulhar fundo no seu mundo interior tornando-se, nesses momentos, inacessíveis às pessoas ao seu redor.
  • Cisne [2 de setembro a 29 de setembro] – Eloquentes, espiritualizadas, organizadas e meigas.  Símbolo de graciosidade e amor, são pessoas exigentes, espiritualizadas, eloquentes, atraídas por tudo que é belo, são refinadas. Podem passar uma primeira impressão de serem metidas, mas é ilusório. São amorosas, apaixonadas, possuem uma presença subtilmente forte e elegante, perceptivas, organizadas e muito ‘doces’.
  • Borboleta [30 de setembro a 27 de outubro] – Comunicativas, gentis, sonhadoras, empáticas e animadas. Estão sempre em contato com o mundo, numa festa conversam com todos os presentes, são gentis mas irrequietos, têm aversão a rotinas e tédio. Sonhadoras, sempre a espalhar novas ideias por aí, adoram as amizades (facilidade para fazer amigos), são alegres, empáticas, animadas, brilhantes, possuem uma personalidade magnética, trazem a juventude na alma e a paixão pela vida.
  • Lobo [28 de outubro a 24 de novembro] – Muito objetivas e focadas nas suas metas, rancorosas, evitam os compromissos por medo de se sentirem aprisionados. Com características marcantes não passarem despercebidas. Com objetivos muito bem definidos, não medem esforços para os alcançar, são cheias de conhecimentos e sabedoria, destemidas, práticas, guerreiras natas, místicas, com uma intuição poderosa, normalmente têm um olhar penetrante quase a ‘violar’ a alma do seu alvo. Um misto de  rancorosas e compreensivas, possuem um forte senso de heroísmo, tratam a vida como uma guerra, não aceitam nada pela metade, são possessivas, a sua força torna-as no ombro amigo por onde quer que passem. Gentis, meigas, grandes e leais amigas, sedutoras, ardentes, severas pois esperam dos outros a mesma lealdade que possuem.  Têm um código de honra que seguem a qualquer custo, podem ser auto destrutivas já que se arriscam demais pelos outros, possuem muitas amizades mas preferem a solidão, são aquelas pessoas com as quais sabemos que podemos contar, onde encontrar, mas que se lhe pisarem o calo terão um inimigo para a vida inteira.
  • Falcão [25 de novembro a 23 de dezembro] – Obstinadas e focadas, conhece bem os caminhos a trilhar para conseguir seus objetivos. Ponderadoras antes de tomarem qualquer decisão. São as mais focadas que podemos conhecer, sabem o que querem e como o conseguir, se perceber que não vale a pena, rapidamente encontram um objetivo melhor. São sábias, generosas, justas, gostam de ensinar, íntegras, possuem uma mente aberta, têm talento para a filosofia. Ponderam muito as suas opções antes de tomar qualquer decisão. São pessoas de opinião firme, pois criam vários alicerces para sustentar as suas ideias, com argumentos poderosos e podem ser taxados de teimosos. Em resumo pessoas do signo do lobo são do tipo “Faça assim porque sei que é o melhor!”, pessoas da águia são mais do tipo “Faça assim porque os argumentos 1,2,3,4,5,…..confirmam que esta é a melhor opção.”

Maravilhosa natureza em que tudo se complementa na interação e interrelação!!

Abraço Colorido e Luminoso


  • 0

A Influência Universal da Cor ! 2018 sob a Influência energética Laranja

Category:Artigos,Grow-Up Tags : 

2018 estaremos sob a Influência energética Cor de Laranja

À energia intensa, individualista, rápida e potencialmente explosiva de Vermelho (2017) o Universo generosamente junta um pingo da alegria e inteligência mental do Amarelo e EIS que 2018 é um ano regido e abençoado com energia LARANJA!

Palavras Chave: Sociabilidade, alegria, prazer, entusiasmo, parcerias, interrelações, decisões e emoções, mudança expansão e dinamismo…

Mantra | Afirmação |Principio base: Confio no meu potencial tal como no de cada Ser por isso acredito e ajo alegremente em partilha e cooperação na construção e  preservação do Bem comum Planetário e Universal, sabendo que JUNTOS SOMOS MAIS FORTES E VAMOS MAIS LONGE!

2017 sob influência de energia Vermelho, estimulou, apoiou, incentivou a ação individual, o empoderamento, o inicio, o quente e forte em cada um. Pautado pela afirmação peremptória da vontade, força e poder individuais positivos. Força vermelha dos impulsos, que em desequilibro ou mal gerida, origina força bélica, incendiária e destrutiva. Em retrospetiva identificamos claramente as consequências dos excessos desequilibrados, são exemplos disto:

  • demonstrações de força bélica na Coreia
  • demonstrações de vontades em conflito na Venezuela
  • atentados de Paris e Barcelona
  • incêndios em Portugal
  • a ascensão de Trump nos USA
  • o consumo desenfreado que leva a Humanidade a consumir mais do que a Terra está a produzir
  • etc…

2018 regido pela cor Laranja vem apaziguar a inconstância provocada pela cólera, impaciência, urgência e agressividade vermelhas , solicitando e apoiando a unificação dessas emoções e ações primárias e empoderamentos individuais, de forma a que se propaguem, contagiem e globalizem em prol de um Bem comum.

O Universo incentiva agora o Bem comum, a irradiação do poder pessoal, o contágio, num processo energético em que o resultado será maior do que a soma das partes, o debate na busca de soluções criativas e criadoras de equilíbrio e harmonia.  Será o ano do Serviço Social Humanitário, da Animação, da partilha de ações criativas partilhadas e inovações assentes na efetiva garantia dos Direitos Humanos Universais e Universalistas!

Será o ano do ‘Eu com o outro’ (e não para o outro), exigindo e protegendo a colaboração, as parcerias, os encontros, as trocas, da interrelação, a comunicação, os projetos colaborativos, o entusiasmo, as atividades em grupo, os acordos cooperativos, a ação conjunta, o alargamento e a interpenetração de visões e convições, a comunhão.

Ano que agrega a força da ação inicial do vermelho e evolui para a alegria e entusiasmo visceral da estratégia ‘ win-win’ ou seja, eu sinto, penso, quero e juntos podemos e realizamos… trago de mim, trazes de ti, comunicamos e tornamos possível o que individualmente seria inimaginável.

Energia de convergência do físico com o emocional, do individual com o grupal!

Laranja está fortemente ligado às emoções, à alimentação, à satisfação de todos os apetites, à Lua e à água, desde o mais individual ao global… o que nos remete para as necessidades e alertas de conservação e sustentabilidade da Terra, de colocarmos um olhar responsável numa atitude partilhada e colaborativa face à preservação e sustentabilidade dos recursos Planetários. Ano com forte tónica alimentar, de encontros prazerosos à volta da mesa, mas também de séria e honesta reflexão em dois eixos. Por um lado, sobre o que estamos a consumir em termos alimentares (tanto mental como emocional, física e espiritualmente) e por outro lado sobre os excessos, os desperdícios, as toxicidades…

Em termos mais amplos o que devolvo ao outro e ao Planeta que sustêm e sustentam a existência de que desfruto?

É a urgência do STOP ao individualismo egocêntrico e às existências parasitantes!

Laranja apela à consciencialização individual viral, à consciência da pegada que deixamos… nas vidas de quem nos cruzamos bem como no planeta que nos acolhe…  Pede auto observação já que é o ponto convergente entre a vontade individual  (nua de egoísmo) com a vontade comunitária e a necessidade global, e exige ação construtiva!

2018 será o que dele fizermos mas a energia que permanecerá é quente, excitante, criativa, prazerosa, sedutora, dinâmica, enérgica, terna, divertida, criativa, jovial, de amorosa mediação em qualquer discussão ou debate, encontraremos mais facilmente atributos positivos….

Laranja diz-nos que Todos temos o direito de ser quem/como quisermos, desde que respeitemos o outro, justa e equitativamente, encarando-o em tudo como igual.

Como tal deixemo-nos impregnar do otimismo, brilho, calor, vigor, sucesso, prosperidade, vitalidade e dinamismo laranja mantendo-nos atentos aos excessos tanto emocionais (ansiedades e nervosismos)  e os excessos (consumos de toda a ordem) sob vigilância para evitarmos desgastes e cansaços extremos que podem ser difíceis de repor…

“As cores falam todas as línguas.”

<Joseph Addison>

Abraço Colorido e Luminoso…


Histórico